A retidão na fé

A retidão na fé

 

 

A retidão na fé

Por Pe. Fr. Marcelo Aquino, O. Carm.

 

Existem passos que devem ser observados na vida católica? Sim, é preciso observar algumas orientações para que possamos prosseguir no nosso caminhar para Deus.

Em primeiro lugar tenhamos consciência de que o Deus que seguimos é um Deus ciumento, sim, por mais que isso pareça estranho esta é uma verdade bíblica, em Tiago 4,5b; 1Coríntios 10,22b.

Com base nisto sabemos que ao católico é proibida a mistura de fé, de crenças, Deus é único e não precisamos de “ajuda”, tendo Ele conosco.

Por isso é lamentável saber que há católicos que comungam de outras crenças contrárias a fé verdadeira, diante de Deus é abominável um fiel que divide o culto com outras “divindades”, sabe aquele “católico” que vai a missa e também no centro espírita? Aquele “católico” que diz que é católico, mas frequenta o terreiro de candomblé? Aquele “católico” que diz acreditar na Doutrina da Igreja, mas frequente o budismo? Sim, todos esses precisam ter um verdadeiro encontro pessoal com Jesus Cristo, o único Deus verdadeiro, para saber que está prostituindo a fé, está em grave falha com o Deus que nos salvou, e que, portanto, precisa urgente se converter.

Tento o Deus maravilhoso que temos, não necessitamos de nenhum outro “deus”, pois o Deus de Nosso Senhor Jesus Cristo nos basta, é a Ele que devemos devotar toda a nossa vida cristã, nosso coração precisa ser indiviso, ou seja, sem lugar para outro “deus”, pois não há santo como é santo o nosso Deus, ninguém é santo a semelhança do Senhor.

São santos, ó Senhor, vossos caminhos; haverá deus que se compare ao nosso Deus? Sl 76, tendo as luzes da palavra de Deus, caminhamos com olhos fixos em Jesus, Ele é quem pode preencher nosso vazio, Ele é quem pode nos dar a verdadeira alegria, tenhamos essa consciência e vamos deixar os costumes do homem velho que não conhecia a verdade de Deus, Nosso Senhor Jesus Cristo.

Portanto, meus irmãos, façamos um caminho novo, abandonemos aquilo que ofende a majestade divina, caminhamos com Jesus e descubramos que com Ele não precisamos de amuletos, não precisamos de adivinhos, não precisamos de ciganos, não precisamos de ninguém que queira nos apresentar um outro caminho, ou outro evangelho.

O que Deus nos pede é somente isso, ser reto no agir, na sinceridade da fé, seguir Jesus sem mistura com nenhum tipo de crença, seja ela qual for, pois, Nosso Senhor fundou uma religião para que os homens por meio dela trilhassem o caminho de Deus.

O amor verdadeiro a Deus, nos impulsiona a seguir a retidão da fé, buscando sempre está aprimorando a nossa fidelidade a Nosso Senhor, buscando sempre corrigir as faltas que cometemos ao longo dos dias e dos tempos, muitas vezes, o aprofundamento da fé, nos faz descobrir que no passado cometemos alguns pecados e que não tínhamos consciência, mas que agora desejamos levar uma vida nova a luz da verdade de Deus.

 

 

Ajude-nos a evangelizar. Compartilhe!

4 thoughts on “0

  1. Sua bênção Frei Marcelo
    Texto muito edificante, 👏🏼👏🏼👏🏼 remete ao “shemá ” , bemcomo insta -nos a refletir e vigiar a respeito dos outros deuses que podem conflitar com a genuína fé cristã.
    Deus lhe abençoe grandemente seu apostolado querido frei Marcelo.🤗🙏

Leave a Reply

Your email address will not be published.

Redes Sociais